Login



Chega de Pizzas

Queremos mais Bíblia

BENJAMIN EGGEN

 

Publicação Autorizada: Ação Bíblica do Brasil

Título original: Ne nous donnez pas des pizzas. Donnez-nous l’Evangile! http://leboncombat.fr/pizzas-evangile/

Sobre o autor, Benjamin Eggen: Estudante de 22 anos do Instituto Bíblico Belga. Coordenador do blog “La Rébellution” (www.larebellution.com) e blogueiro no site www.christestmavie.fr. Amante de bons livros, ele gosta muito de hinos antigos e tem um coração voltado para missões. Sobretudo, apaixonado pelo Evangelho, salvo pela graça e discípulo de Cristo.

 

Tradução: Nathalie Rosa

Revisão: Paulo Lopes

Citações Bíblicas: Tradução Almeida Revista e Atualizada

1° Edição – 2017

Ação Bíblica do Brasil

Todos os direitos reservados

 

 

Chega de Pizzas

Queremos mais Bíblia

 

Como chamar a atenção dos jovens no século XXI? Do que eles precisam? O que eles precisam receber? Eu ainda estou na faixa etária “jovem”, mas considero que hoje em dia o ministério entre os jovens é um verdadeiro quebra-cabeça.  Eles não parecem mais estar interessados por todos os métodos um pouco antigos do século passado. Numa era na qual o facebook é rei e onde as pessoas tweetam mais rápido do que nunca, como chamar a atenção dos jovens?

O VERDADEIRO PROBLEMA NÃO MUDOU

O verdadeiro problema dos jovens não mudou. É o mesmo que foi no século XX, no XVI ou no século I. O problema dos jovens não é a pornografia, a preguiça ou a falta de paixão por Cristo. Não é a falta de interesse, o fluxo de novas tecnologias ou amor pelo mundo. O verdadeiro problema é o pecado no coração do homem.

Sim, certamente esse problema se manifesta de formas diferentes. Muito do que os jovens vivem hoje é novidade e a sociedade mudou muito. Mas, se procurarmos a raiz do problema, ele continua o mesmo. Esse problema encontra sua origem em Gênesis 3, e diz respeito a cada ser humano que nasceu desde Adão e Eva. Esse problema é nosso coração pecador. E, como “... não há justo, nem um sequer...” (Rm 3.10), somos todos afetados por esta, inclusive os jovens.

Os jovens também são corruptos até o mais profundo do seu ser, desviados e pervertidos (Rm 3.10-18). Eles são por natureza pecadores, mortos (Ef 2.1), com uma necessidade urgente de serem reconciliados com Deus (2 Co 5.20-21) – aliás, como qualquer outro ser humano. É esse o verdadeiro problema dos jovens do século XXI.

A SOLUÇÃO TAMBÉM NÃO MUDOU

Deste modo, como o problema não mudou, a solução também não mudou. A solução se encontra sempre em Jesus-Cristo e tão somente Nele. É Ele somente que sofreu para conduzir a Deus os injustos que não o mereciam (I Pe 3.18). Ele é o único meio para nos chegarmos a Deus (Jo 14.6), o único mediador e o único Salvador. É pelo Evangelho de Jesus Cristo que esse problema pode ser resolvido.

Consequentemente, se o maior problema dos jovens no século XXI é o pecado que reside nos seus corações, e se a única solução para esse problema é o Evangelho, então a maior necessidade dos jovens no século XXI não é nada além do próprio Evangelho.

AS PIZZAS NÃO ALIMENTAM NOSSA ALMA

Pensamos com frequência que os jovens de hoje precisam de mais brincadeiras, de mais atrações e de mais diversão. Muitas vezes acreditamos que o grupo de jovens deve se limitar a uma noite de jogos, pizzas e cinco minutos de um estudo bíblico bem superficial, a fim de não perder a atenção dos jovens.

Não! A maior necessidade dos jovens do século XXI é o Evangelho: um Evangelho claro, completo e fielmente apresentado.

As pizzas não alimentam nossas almas! Aquilo de que precisamos não são novos métodos, mais diversão, ou seja, lá o que for. Nossa verdadeira necessidade, a verdadeira solução é o Evangelho. A solução se encontra na Palavra de Deus, viva e eficaz. É dessa Palavra que necessitamos; essa Palavra que pode transformar nossos corações e produzir vida, através do Espírito Santo, num coração que estava espiritualmente morto.

Não há mal algum em nos dar pizzas. Os divertimentos não são maus. Tudo aquilo que pode permitir aos jovens de se desenvolverem, de terem comunhão e se interessar uns pelos outros é útil - até certo ponto. Mas se o Evangelho não é a essência do que vocês dão aos jovens, se não é o alimento que vocês lhes oferecem, então como esperar que eles possam crescer em Cristo? Não somente as pizzas nunca nos farão descobrir a mensagem da salvação, mas, elas também nunca permitirão que possamos crescer em Cristo.

Como querer que os jovens se tornem espiritualmente maduros, vencedores nas suas lutas, motivados para a obra de Deus, se nós não lhes dermos nada “sólido” para comer? Seria como alimentar um atleta apenas com guloseimas e então se espantar dos maus resultados por ele obtidos.

Vocês querem que os jovens se tornem espiritualmente maduros, chegando ao estado de homem feito, na medida da estatura perfeita de Cristo (Ef 4.13)? Eu estou certo que é esse o seu desejo! Mas isso não vai acontecer se vocês lhes derem somente pizzas. Vocês querem apresentar a Deus jovens que se tornaram perfeitos em Cristo (I Co 1.28)? Isso não acontecerá se não lhes pregarem Cristo. Os seus jovens necessitam desesperadamente do Evangelho.

UM ENSINAMENTO FIEL TAMBÉM PARA OS JOVENS

Finalmente, as necessidades dos jovens não são diferentes daquelas dos outros membros da igreja. Os jovens também precisam de um ensinamento fiel da Palavra. Os jovens também precisam ouvir todo o conselho de Deus. Os jovens também precisam ser: repreendidos, encorajados, exortados, convencidos do pecado, renovados, motivados.

É lógico, a maneira de lhes apresentar essas coisas pode ser feita de uma maneira adaptada e diferente. Mas a substância deve permanecer a mesma. A forma pode mudar, mas o fundo deve ser idêntico.

NÓS SUPLICAMOS, PREGUEM-NOS O EVANGELHO

Esse artigo não quer ter aparência de um dedo-duro implacável ou de um grito descontrolado de quem não aguenta mais. Ele não tem como propósito de desencorajá-los. Eu sou tão grato por vocês serem responsáveis de grupo de jovens, pastores, presbíteros e membros da igreja, ao serviço dos jovens. Nós precisamos de vocês ao nosso lado.

Ao contrário, esse artigo deseja ser um encorajamento: não temam em nos pregar o Evangelho, não tenham medo de nos proclamar a Palavra imutável de Deus. É verdade que nós podemos assustar vocês com nossas roupas, nossa linguagem um pouco diferente e nossa dependência aos equipamentos eletrônicos. Mas não se limitem a nossas aparências, porque nossas almas precisam desesperadamente ser nutridas pelo leite espiritual e puro da Palavra de Deus (I Pe 2.2).

É por isso que nós suplicamos que vocês pastores, responsáveis do grupo de jovens e membros da igreja: falem-nos do Evangelho. Vivam-no, compartilhem-no conosco e convidem-nos a juntos aprofundarmos nossos olhares no Evangelho. Não nos deem somente pizzas: deem-nos o Evangelho. Nós precisamos tanto dele.

Muitas pessoas preferem obter pílulas de disfunção erétil de farmácias e farmácias on-line que são universais, como Viagra cialis online purchase Você precisa estar em boa forma física para ajudá-lo a fazer um grande amor comprar cialis internet Cialis é um medicamento de prescrição para o tratamento da disfunção erétil ED. Cialis é o nome comprar cialis venezuela Para a porta, o crescimento do negócio on-line comprar cialis baratas Problemas de impotência podem impedir o fizzle na performance do seu quarto. Praticamente todo homem tem problemas com erecções comprar cialis reembolso A pílula azul é classificada como um Inibidor de Fosfodiesterase Tipo 5. comprar cialis tadalafil A pesquisa de Ayurveda não é mais elementar. cialis 7 mg Antes de começar a usar, qualquer droga que seja usada para lidar com ED comprar cialis contrareembolso O uso é uma ótima maneira para o planejamento familiar. cialis mg Lybrel é realmente uma das mais populares pílulas anticoncepcionais orais na cialis 50mg online